2016

E se tudo tivesse sido diferente?

10:00

As vezes eu paro e penso como seria nossa vida se tudo tivesse sido diferente! E se eu não tivesse engravidado? Será que ainda estaríamos juntos? Será que teríamos amadurecido tanto? Será que seríamos tão felizes quanto hoje? Será que seria mais fácil ou mais difícil? Será que teríamos lutado tanto pelo nosso AMOR, ou teríamos desistido na primeira briga, no primeiro término sem motivos? 

Falar que tudo o que aconteceu foi da forma que queríamos seria mentir para nós mesmos, mas dizer que eu sinto que no fundo se tudo não tivesse sido assim nós não estaríamos aqui, prestes a completar#6anose4meses juntos a disso eu tenho um pouquinho de certeza. Estar num relacionamento sem planos é o mesmo que não estar, você não namora alguém só por namorar, e isso quem nos ensinou foi o Muri com sua vinda inesperada, vivíamos um dia de cada vez, como se não houvesse amanhã balada, amigos, bebedeiras, ressacas e etc. Hoje vivemos o hoje planejando o amanhã para o nosso filho e para a nossa família temos metas, temos planos, temos sonhos, TUDO JUNTO, tudo no plural NOSSO é como se você descobrisse que nunca mais estará sozinho, que sempre vai ter alguém ali quando acordar, sempre alguém te esperando voltar, sempre alguém junto para sonhar.

Seria hipocrisia dizer que a vida hoje é perfeita com o nosso filho, aprendemos a cada dia, a cada briga por descordar da opinião do outro, a cada cobrança que nos fazemos, a cada barreira que encontramos, mas sempre buscamos dar o nosso melhor em todos os momentos que passamos, mostrando assim que o nosso AMOR ainda está aqui por nós em primeiro lugar e pelo Muri em segundo.

Por nós que nos esforçamos para que isso tudo ainda esteja aqui, por mais que as brigas aconteçam e sempre vai acontecer, mesmo que um tenha que cobrar o outro, sempre tem um que faz um carinho, da uma atenção, chamar para um programa diferente. 

E como uma gangorra nenhum nos dois pode abrir mão de ser um pouco mais em algum momento, ser mais companheiro, ser mais presente, ser mais atencioso, ser o que o seu companheiro estiver precisando no momento.

Nesses 6 anos já passamos por todos os momentos da vida de felicidade, de perda, de tristeza, NUNCA deixei o Rapha na mão em nenhum desses momentos, muitas vezes eu deixei de estar com o Muri deixando ele com a minha mãe para estar com ele, para ele saber que pode contar comigo em todos os momentos. Como em todas as vezes que eu precisei nesses 6 anos ele nunca me deixou, em nenhum momento.

Crescemos, aprendemos MUITO juntos, e como mudamos, incrível, inacreditável eu poderia dizer, todas as vezes que converso sobre isso com alguém escuto o mesmo, como mudamos, como amadurecemos no nosso relacionamento. Claro que em alguns momentos os dois relaxam um pouco, que ficamos distantes e então um dos dois vem cobrar o que está faltando.

Hoje eu posso dizer que não nos completamos, mas estamos juntos, caminhando lado a lado, na mesma sintonia, no mesmo ritmo muitas vezes, tem dias que é bem difícil. Mas vocês me perguntam qual o segredo?

Primeiro de tudo aceitar que você não é dono da pessoa e que ela não é sua, não é seu o tempo todo daquela pessoa, aceitar que vocês dois tem vidas fora do relacionamento, que os dois precisam de tempo como o relacionamento de vocês precisa de atenção. Aceitar a pessoa que está do seu lado da forma que ela é, ninguém muda por ninguém, NÃO MUDA. Se você quiser mudar a pessoa que esta do seu lado, você vai estar vivendo uma mentira. Ou você ama a pessoa do jeito que ela é, ou você não ama ela.

Segundo se AME muito em primeiro lugar, quando você aprende a se amar, você consegue amar outra pessoa.

Terceiro seja inteira nos momentos em que for para vocês dois, a sos, com a família todos os momentos, esteja presente, se faça presente, de sempre o seu melhor.


 O principal de tudo o que eu disse aqui, NÃO DESISTA NA PRIMEIRA BRIGA, NO PRIMEIRO TÉRMINO, NÃO SEJA ORGULHOSO, NÃO ABRA MÃO DE TENTAR DE NOVO PELA SUA FELICIDADE! 



Amor, eu te amo muito, com tudo o que passamos e vivemos. Eu ainda te quero aqui para sempre, ou para o nosso para sempre. (sei que você vai ler...rs).

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada pela visita!