2014

Qual seu tempo para o seu filho(a)?

09:00

Uma situação que me fez ficar pensando muito nesse tema, foi semana passada, na frente da escola do Murillo, chegamos um pouco cedo e estávamos esperando o portão abrir. Enquanto isso, o que eu fiz?  Comecei a mexer no celular (vicio), tirei uma foto com ele e estava postando na Fan Page do blog, quando ouvi um grito:
- O ISACCCCCCCC mamãe, vamos abre a porta, vamos minha professora já chegou!
Eu respondi:
-Calma filho, mas eu não vi sua professora chegando!
E a resposta foi daquelas que eu JAMAIS em vida imaginaria ouvir, mãããs... #tomaessamamãe
- Claro que não, você não para de mexer na bosta desse celular!




Eu sei que falar “bosta” é feio e tudo mais, mas vocês conseguiram ver outra coisa na frase?  Eles estão nos observando, ele me observou e de uma forma nada educada chamou minha atenção para ele, claro que ele é muito mais importante que meu celular e que uma foto postada no blog, MUITO, mil vezes mais.
E realmente eu não estava percebendo o quanto tempo eu perdia com ele, por priorizar coisas que realmente podem ficar para depois, e se eu não conseguir fazer no dia tudo bem, ninguém vai morrer por isso, mas o tempo que eu perdi com ele não vai voltar, vocês entendem? 

Por isso o tema do blog, “Qual o seu tempo para o seu filho?” . Eu vejo tanta gente reclamar que depois dos filhos, não faz as unhas, depois dos filhos não come comida quente, depois dos filhos não dorme uma noite toda e tudo mais. E tudo isso não valeu a pena?  Eu estava viciada em um livro também “Insurgente” chegava em casa e ia direto ler o livro, e o Muri ficava com o Rapha jogando bola, vídeo game, brincando no quarto, um momento deles dois.
Depois desse dia e dessa frase, eu NUNCA mais fiz isso, eu chego e mesmo que eu tenha que fazer alguma tarefa de casa, faço dela uma brincadeira com ele. Por exemplo, ele tem um banquinho que deixa ele na altura certinha da máquina de lavar, todos os dias ele quer me ajudar a colocar a roupa para lavar, brincamos com as roupas e também pergunto sempre qual a que ele mais gosta.
Depois ele quer me ajudar a lavar a louça e eu coloco uma cadeira na pia do meu lado e depois ele bagunçar uma pouquinho com as colheres dele, com umas tupperware e com espuma e uma esponja. Como ele se diverte, sem contar, que ficamos fazendo carinhas com a espuma na pia...hahahaha. E a louça acaba ficando até gostosa de lavar com a companhia dele.
A janta é sempre ele que escolhe, e sempre me ajuda a pegar as coisas para fazer, e como nessa parte ele não consegue me ajudar. Entra o papai em ação com o futebol e os brinquedos dele. Ele tem um quebra-cabeça que ama do Monstros S.A ganhou esse ano no aniversário, juro que a gente já montou ele mais de mil vezes hahahahaha, de verdade, e nesses últimos dias eu e o Rapha estávamos bem cansados dele já e sempre inventamos uma desculpa para não montar.
Depois desse dia tudo mudou, acho que monto todo dia umas 5 vezes, porque ele adora ajudar a montar, mas desmontar e bagunçar é com ele mesmo. 

Sexta-feira eu postei na nossa Fan Page uma foto dele comigo, colorindo alguns desenhos que eu imprimi da internet. Sim ele vai comigo para empresa todos os dias de manhã e eu não abro mão disso, porque eu consigo fazer umas coisas em no máximo 1 hora, tempo que minha irmã e meu irmão, brincam com ele, e depois ficar com ele, levo ele para minha mãe dou banho, troco, dou almoço, brincamos e depois ele vai para escola. E eu nunca tinha percebido o quanto ele AMA pintar, coloquei ele no meu colo aqui e escolhemos 5 desenhos para colorir hoje, ele escolheu dos desenhos favoritos. Fomos até uma lojinha em frente a empresa compramos giz de cera e lápis de cor, almoçamos, e antes do papai leva-lo  para escola ainda deu tempo da gente se divertir muito. 
E ainda me veio uma ideia genial, vamos fazer uma pastinha com todos os desenhos que ele colorir, para guardar de recordação, eu perguntei o que ele achava disso, e a resposta foi:
- Eu acho essa ideia maravilhosa, mamãe!




Nesse dia a dia louco que vivemos, é muito difícil a gente parar e pensar nisso, eu achava que o meu tempo com ele estava sendo o suficiente para ele, mas não era, eu estava errando sem saber, e aquela resposta foi um jeito dele me mostrar o que ele precisava. Ele precisa de mim sempre, nunca mais eu quero ser cobrada de atenção por ele, eu amo o blog, o facebook, o instagram, adoro as redes sociais e tudo mais, mas ele é MEU FILHO e tudo isso eu posso fazer depois que ele dormir né?  No trabalho quando tiver um tempinho livre, isso tudo só depende de mim organizar o meu tempo e meu dia. Eu amo ler, mas posso ler a noite depois que ele dormir também, posso ler enquanto espero ele sair da escola a tarde. Tudo pode ser feito com organização.
No dia em que o Muri me falou isso “você fica mexendo nessa bosta de celular” eu me culpei muito, muito mesmo, e capricorniana que sou, chorei como se não houvesse amanhã, me senti a pior mãe do mundo e não pensei em como corrigir isso, tudo isso que eu citei ai cima que fazemos juntos, veio com o dia a dia, com a vontade dele de participar e estar presente em tudo. 


E vocês mamães, qual o tempo de vocês para os seus filhos?

You Might Also Like

0 comentários

Obrigada pela visita!