Pular para o conteúdo principal

Depressão Pós-Parto, eu tive!



Já falei aqui sobre como engravidei e o que eu pensava sobre gravidez, já falei sobre tudo o que mudou na minha vida desde a primeira vez que o Murillo nasceu. Mas nunca, JAMAIS pensaria em comentar isso aqui, porque aceitar foi muito difícil, me fez sentir a pior mãe do mundo. Até que eu li o post da Angi do Mãe de Guri o post sobre a Depressão Pós-Parto que ela teve Vi, vivi e Venci!. E daí eu percebi que não era a única, e que em nenhum momento eu errei. Ou melhor, errei sim, muito no começo por não aceitar e não querer assumir a minha doença, sim isso é uma doença. E tem CURA, basta você querer. 

Nossa situação chegou a um fase de eu e o Rapha nos separarmos, e ali eu cheguei a pensar que fosse o fim. Eu achava que ninguém estava do meu lado, que eu estava sozinha com o Murillo, não via motivo para sair para trabalhar, vários dias ficava em casa de pijama, não tinha vontade nada, exatamente, nada. Foi horrivel, eu chorava todas as noites, acordava morta de cansaço todos os dias, me larguei total. 

É muito difícil, eu confesso, foi muito difícil pra mim TUDO, desde engravidar adolescente de um namoro super recente, cair a ficha de íamos ficar juntos o que eu nem acreditava. Mas realmente eu não sei a causa, sei que tive Depressão Pós-parto diagnosticada por uma psicologa, sem querer, era uma treinadora da empresa da minha mãe, ela vinha na empresa nos ensinar sobre o dia-a-dia, só que ela também era psicologa. Conversou com minha mãe e percebeu a tristeza em meus olhos, o cansaço, a raiva que tinha de qualquer coisa e começamos a fazer sessões todas as quintas-feiras a tarde toda, Raphael sempre me acompanhou, em algumas ele até participou um pouco. 
Eu não cheguei a tomar nenhum tipo de medicamento, somente com as sessões e logo depois eu fiz o curso o Leader Training onde eles também me "libertaram" desta doença. Agora, com certeza, eu vivo uma nova vida.. foi um novo começo pra mim, por Muri e pro Rapha. 


#vidademãe  #jovemmãe 


Comentários

  1. Não deve ser fácil... mas quem bom que superou!
    Força!
    beijos
    Lele

    ResponderExcluir
  2. eu sei como é dificil eu tambem tive .....adoro seu blog....seu filho elindo parabens
    Depois da uma passada la no meu blog ...flor

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Postagens mais visitadas deste blog

Eu tenho um super-herói!

Uma noite dessas, o Murillo foi nos seus brinquedos e achou um óculos que ganhamos em uma festa, colocou e falou assim:  - Agora eu sou um super-herói!  E foi assim que surgiu o texto de hoje "Os super poderes do meu super-herói!" Ele tem o poder de me deixar feliz com um sorriso.  Ele tem o poder de fazer o meu coração explodir de felicidade. Ele tem o poder de me deixar a noite toda acordada quando quiser. Ele tem o poder de dormir na minha cama todos os dias que quiser. Ele tem o poder do amor incondicional. Ele tem o poder de fazer o melhor carinho do mundo! Ele tem todos os poderes do mundo para fazer da minha vida melhor, todos os dias, a cada gesto ou descoberta nova, desde que chegou só trouxe coisas boas para nossas vidas. Tudo ganhou mais cor e a vida voltou a ser como é para uma criança, uma história só com coisas boas, aprendemos a tirar de cada situação ruim as coisas boas. Esses são os super poderes do filho super-herói.♥ Quem também tem um sup

Inspirações Festa Mickey - Para imprimir♥

Sou super suspeita para falar, eu amo o Mickey. Mas confesso, que jamais tinha pensado em fazer uma festa para o Murillo nesse tema. Então que eu fui procurar algumas ideias e gente, quanta coisa linda, uma mais linda que a outra! Salvei várias! Mas fiquei com um sentimento de quero mais...então talvez vocês encontre um segundo post desse aqui em breve.   Convites♥  mesa do bolo♥ docinhos♥ detalhes♥    chapéu personalizado.   detalhe no guardanapo e suco personalizado centro de mesa♥  lembrancinhas♥ para imprimir♥ Imagens:  Pinterest  E ai mamães quem vai fazer a festa do baby do Mickey?  Eu amei e com certeza vou ter que fazer para o Muri. rs♥  

Algumas Dicas Sobre o Relacionamento com Filhos.

Converse sempre com seus filhos. O diálogo sempre foi e sempre será a melhor saída para as negociações de conflitos.  D ivirtam-se juntos. Planejem passeios ou atividades em família como: assistir a um filme ou a uma peça de teatro, ir à banca de revistas, fazer um piquenique, caminhar em um bosque, programar viagens, entre outras possibilidades. A atividade a ser realizada ou o destino do passeio não são os mais importante. O que importa é estar juntos, é dedicar tempo e atenção, é apreciar a companhia uns dos outros. Faça elogios aos outros. Parabenize sempre que o outro conseguir uma vitória, conquistar uma atitude, apresentar um comportamento adequado e esperado, como usar o banheiro sozinho, lembrar-se de guardar brinquedos sozinho entre tantas outras conquistas dos pequenos.  Diga sempre "eu te amo". Nunca é demais externar sentimentos. Escute as pessoas com tranquilidade e com coração sempre aberto, mesmo que não concorde com o ponto de vista delas. Saiba argumen