mamãe

Quando é a hora de novo...

22:44

Como todo mundo sabe engravidei na adolescência, nem um pouco planejado! Mas uma felicidade fora do comum, como já disse! Mas estou me pegando numa saia tão justa, que nem eu sei mais o que pensar. Já conversei muito com o meu noivo, sobre os prós e os contras de ter mais um filho ou mais pra frente, mas aos 19 anos com um bebê de 17 meses é difícil decidir se é a hora ou não. Foi uma surpresa tão grande, tão boa, que nem sei o que é planejar ter um filho.
Vou explicar melhor para vocês a situação que me encontro.
Morei 2 anos com a minha sogra, agora vou mudar para meu apartamento (em Julho se tudo correr bem), com o bebê de 17 meses, fazendo faculdade online e trabalhando. Quando ganhei o Murillo, tive uma sorte imensa de todos os lados, recebi muita ajuda. E consegui que a tia do meu noivo (Tia Célia) cuidasse do Murillo até hoje. Uma fofa cuida dele super bem, me deixa super segura, não tenho do que reclamar. Assim que mudarmos, vou colocar o Murillo meio periodo na escolinha e a ideia e o que resto do dia ele continue ficando com a Tia Célia até eu voltar do serviço ou noivo.
Vamos a confusão toda na minha cabeça. Escuto de algumas pessoas que a hora de engravidar de novo seria agora, porque é uma diferença boa de idade, já iria criar tudo de uma vez, porque o Murillo ele ser super companheiro do irmão(ã) e tudo mais. Outras pessoas me dizem, porque outro, você é louca, hoje em dia não da para ter mais de um filho. E minha cabeça vai a mil!
Ai, eu paro, fico sozinha no quarto, o Murillo dormindo, e eu fico pensando, e porque não deixar acontecer se tiver que acontecer, vai acontecer, não foi assim com o primeiro. E qual seria o problema ter um mais um filho agora, to quase casada, já vou para minha casa, qual seria o problema? Pagar as contas?!
E assim eu continuo... sem saber se quero ou não!

You Might Also Like

26 comentários

  1. Caramba, que situação. Eu penso assim, que é cedo e serão dois bebês. Tem o outro lado de que é uma boa diferença de idade, mas tem também a parte da idade de vcs, novinhos... Mas se estão dispostos a encarar o desafio, não tem porque confusão. Como vc disse, quase casados, já tem um filho, se tem como pagar as contas, estão bem! Meu marido e eu temos medo de encarar outro bebê, até mesmo mais pra frente.
    Boa sorte e tem o nosso apoio! >*

    ResponderExcluir
  2. uau! que difícil opinar sobre isso!
    eu acho que esperaria mais um pouco, acho que até uns 3 anos de diferença eles serão bem amigos e vc curtirá mais o marido e o filho!!!
    beijos #amigacomenta
    http://www.dicasdamaedipa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. É difícil opinar,logo eu que fiquei só com uma...rsrsrs,segue o teu coração,se os dois estirem afim,deixa rolar e boa sorte.
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  4. Que dúvida linda! É bom demais sonhar com um novo bebê! Já vi que vontade você tem, só falta agora pensar se tem disponibilidade para cuidar de um novo bebezinho! A diferença de idade será ótima! Por outro lado se quiser esperar mais, pode ficar desestimulada!

    Eu escrevi um post sobre isso:

    Um é pouco, dois é bom, três é demais?

    http://www.maeparamaes.com/2011/12/1-e-pouco-dois-e-bom-e-3-e-demais.html

    Filho é bom demais!!!!! Vá em frente!!!

    Beijos,

    Jamile
    Mãe para Mães
    www.maeparamaes.com
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  5. Adorei o blog, muito lindo, amei tudo.
    Parabéns mesmo, vou sempre estar aqui (:

    ontendency.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Ai esse assunto é um daqueles que dá pano pra manga.

    No meu caso eu acho que só teria por volta de 8 a 9 anos,por que acho mentira quuando as pessoas dizem que eles tem que crescer junto para brincar é nada ai que só brigam mesmo rs, e depois cada dia que passa a Lavinia fica mais espoleta e sei que dai para frente só piora no bom sentido rs,então seila eu não teria condições psicológicas para criar mais um além do mais dei uma parada na minha vida tenho muitos projetos ainda a alcançar então definitivamente pra mim a hora não é agora,então sigo com esse pensamento de ter um mais pra frente quem sabe ou talvez até lá eu mude de opinião e nem tenha,é que como sou filha unica o lado que mais pega é esse em dar um irmãozinho pra ela não ficar sozinha futuramente como de certa forma eu fiquei depois que minha Mãe faleceu.


    Mais acho que vc tem que seguir seu coração e ver, sentir se essa é a hora certa ou não.


    Ps: E além do mais eu acho que pra mim futuramente terei mais maturidade mais paciência.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Camila, como disse a leitora acima: dá pano pra menga esse assunto!
    Acho que não há tempo melhor ou não. É uma decisão dentro de um contexto - vocês quererem, o lado financeiro, quem ajuda a cuidar, enfim, são detalhes como um quebra-cabeças.
    Eu engravidei do segundo filho exatamente quando o Bernardo tinha 1 ano e 7 meses. Sou filha única de mãe falecida, não queria filho único e também dei uma parada no bom sentido por causa do filho, cinema, teatro, viagens... eu não tinha quem pudesse ficar, então resolvi o segundo dentro de todo este contexto.
    Acho legal esse crescer juntos. Existem brigas sim, mas o companheirismo é maior.
    Beijo querida.

    ResponderExcluir
  8. Eu acho que diferença de 3 anos é o ideal. Não vá por essas pessoas que ficam dizendo que está na hora só porque seu filho tem 17 meses e tals. Acho que vc deveria terminar a facul, curtir mais o seu filhote e daí os 3 anos chegam rapidinho e vc terá outro com tranquilidade.2 bebês seria complicado, acho que o seu filho ainda é muito novinho.
    Bjão!

    ResponderExcluir
  9. Camila, eu já acho bem bacana ter dois, DOIS mais não rs
    A Ju e o Murilo vão ter pouca diferença, acho que ao mesmo tempo que brigarem vão ser companheiros, acho legal, aqui pensavamos no 2° filho pra frente BEM mais pra frente, mas como deu uma escapada e aconteceu, enfim acho que você deve seguir seu coração e não ficar escutando os que os outros falam ! =)

    ResponderExcluir
  10. Oi Camila, é muito difícil dizer. Cada um tem a sua experiência. Aqui eu dei um intervalo grande, 6 anos, e isso me fez ter dois universos muito distantes e difícil de conciliar. Eu hoje digo que deveria ter tido uma atrás da outra. Mas cada um tem a sua realidade, o apoio que pode contar e coisa e tal. Acho que a hora certa é quando bate aquela vontade louca de ter outro bebê nos braços.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  11. Vcs são novos ainda e poderão ter outros filhos mais pra frente. Aí com um filho só, vc pode trabalhar, estudar e fazer muitas coisas que seriam mais difíceis com dois ou tres.
    Mas ao mesmo tempo, se vcs dois querem, se acham que dá, que tem logística pra isso,porque não?
    A diferença de idade tem os dois lados.Tenho filhos com grande diferença e com quase nenhuma (23, 16, gêmeas com 4 e a bb com 2), os maiores ajudam nos cuidados com as menores, são exemplo e grandes ídolos das pequenas. Em compensação as pequenas são companheiras,amigas, parceiras.
    Qualquer que seja tua opção tem prós e contras. Pese bem cada coisa e decida pelo que o seu coração mandar. E seja feliz com a tua escolha!
    Bjks
    #amigacomenta
    Ktralhas - http://ktralhas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Concordo com a Tuka: esse negócio de espaço ideal entre os filhos não existe. Eles podem ou não ser companheiros independentemente desse intervalo, porque isso vai de personalidade. Eu tenho dois de idades bem diferentes, foram 5 anos entre uma gravidez e outra. Agora eles até brincam juntos, mas o problema não é a diferença de idade e sim a diferença de temperamentos. Sem contar que são de sexos diferentes. Mas não tenho nenhum outro problema com eles, nem mesmo para sair. Se o programa não inclui um deles, ou arrumo alguém para ficar com o outro ou não vou, sem dramas. E cada vez tenho programas sozinha com um deles. Faça o que você achar que seu coração manda.

    Beijos
    Tati
    Mulher e Mãe
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  13. Cá.
    Eu tive meu primeiro filho aos 34 e estou na situação "segundo ou não" com um limite forte: a idade.


    Você não tem este fenômemo correndo atrás de você. Pode decidir com calma. E outra coisa, se está tudo esquematizado, se vc tem ajuda, será que com o segundinho ficará desta forma?

    Olha, teve uma coisa que aprendi na estrada. Coração de mãe não se engana. Qdo chegar a hora certa vc vai saber.

    Bjs grandes.
    Fabi (Mulher e Mãe)
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  14. Amei o blog eu no teu caso deixaria acontecer voce vai saber concerteza a melhor hora para ter o seu segundo filho, o meu sonho era ter quatro mais por enguanto tou esperando um, mas vamos ver no q vai dar rsrs.

    ResponderExcluir
  15. Nossa posso te falar de coração, vcs são novos, têm uma vida pela frente, não se precipite agora em ter um filho logo, cuide de vc, do marido e do filho, termine sua faculdade.
    Viagem com marido e filho, seu filho não sente falta de irmão agora isso te garanto!
    bjs
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  16. Eu tive Luna com 35 anos, me casei com 19 anos e nem pensava em filhos, dizia que nunca ia ter... contei isso lé no blog. Eu não pretendo ter outro BB, mas acho que pouca diferença de idade é legal, mas tenho amigas que tiveram com 10 anos de diferença. Não sei, acho que cada um deve sentir o momento certo para isso!

    Beijão.
    @_maejestade
    #amigacomenta
    http://www.vidademaejestade.com/

    ResponderExcluir
  17. Difícil mesmo Camila. Ter o segundo filho acho que deve ser uma decisão bem pensada. Se vc tem vontade, acha que a grana não vai ser problema e que vai poder cuidar dos dois bem... com certeza deve seguir seu coração. Pense mais, converse com seu marido e tenho certeza que saberão decidir quando é a hora. Essa decisão só cabe a vcs dois. :) Beijos! #amigacomenta

    ResponderExcluir
  18. Oieee,

    Olha só, eu acho q esta coisa de melhor hora não existe!
    A melhor hora é aquela em que vc se sentir segura pra isso!!
    E esta segurança precisa ser emocional, financeira, na sua relação com o noivo...
    Enfim, isto é o q eu acho mas, vc precisa descobrir no fundo do seu coração oq é melhor pra todos vcs!!
    Se decidir esperar mais um pouco, fique tranquila que este negocio de idade não tem nada a ver!!

    Bjo!

    Loreta #amigacomenta;)
    @bagagemdemae

    ResponderExcluir
  19. Acho que você pode esperar mais um pouco. uma diferença de 3 ou 4 anos é ótima (principalmente para pagar a faculdade depois.. rsrsrs)
    Uma amiga me disse que com dois filhos muda muitoooo a rotina. Empregada, almoço e janta todo dia, e muitas outras coisas.
    Termina sua faculdade, cuida da sua casa nova e quando se sentir pronta, parte pra mais um.

    Bjoss

    #amigacomenta
    http://www.lookbebe.com.br

    ResponderExcluir
  20. Bem, vou te dizer uma coisa, faça o que você tiver vontade, de coração. Eu não planejei nenhuma das minhas duas gravidez, a gravidez da Sophia veio logo na lua-de-mel, e foi lindo um mês depois de casados descobrirmos que seríamos pais, e a gravidez do José Miguel veio quando ela completou um ano, e foi uma sensação deliciosa também. As pessoas falam muito, me passaram muito medo, me disseram que ela teria ciúmes, que eu ficaria cansada e sabe de uma coisa? Tem sido surpreendente a cada dia, nos emocionamos com os dois, é lindo ser mãe de dois, te garanto. Não tenha medo da vida,não tenha medo de ser feliz,e quando alguém tentar te desanimar diga apenas que você acredita que pode ser bom, que pode dar certo. Tenha fé de que nascemos para viver intensamente e não para apenas sobreviver morrendo de medo do que possa dar errado!

    Vanessa Figueiredo
    http://vanessinhafigueiredo.com

    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  21. Eu acho que existe o seu tempo, a sua vontade... esse negócio de tempo é bobagem mesmo...
    Quando chegar a hora vc vai querer mais que tudo ou vai acontecer naturalmente...
    Bjs!!
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  22. Querida, acho que não é loucura ter outro filho. Tenho o Rodrigo de 13, jurava que ele seria filho único.Inesperadamente veio o Arthur, que hoje tem 05 anos. E apesar do susto foi maravilhoso, chorinho ou gargalhada de bebê na casa de novo, fraldas e toda aquela delícia que é ter bebê em casa. Tive todos os cuidados para o Rodrigo não sofrer. Levava ele comigo ao pré Natal para ele ouvir o coraçãozinho do maninho, ele escolheu a saída de maternidade ( o conjunto)e muitas outras coisas do irmão, tudo paraque ele visse que o maninho chegaria para somar, e não tomar o lugar dele, e para ele sentir que seria importante na vida do maninho. E o melhor foi no dia em que meu marido o levou para conhecer o Arthur(nome que ele escolheu!Sugeri Guilherme ou Arthur, e ele disse, " - Como o Rei: Arthur!"). Na hora em que colocamos o maninho no colo dele, que estava sentadinho na poltrona ao lado da minha cama, ele disse: "-Irmãozinho, eu vou te amar pra sempre...Vou ser o seu melhor amigo no mundo todo, vou ser sempre o seu irmão e te amar." E beijou a cabecinha do irmão. Vi ali que não foi loucura, e que a nossa família estava perfeita!
    Saiba definir prioridades. Agora vc tem mudança, faculdade, adaptação do Murillo à casa nova e à creche, vc não sabe como tudo ficará. Se vc sente que é o momento, saberá lidar com tudo,dar atenção ao maridão, por que não. Se acha melhor esperar mais um pouquinho, ou um poucão, o faça. Mas se sente no seu coração que não importa quando mas quer ter outro bebê, não ouça esta coisa toda de que é loucura ter outro filho... Acho que a escolha é sua e de seu marido. Eu engravidei aos 25 anos, não foi planejado, e optei por ter meu filho. Meu marido como eu, aprendeu que nossa vida mudaria, os programas passaram a ser em família, e por vezes nossos, minha mãe dava uma forcinha e saíamos juntos, mas justamente por não termos planejado foi uma fase de luta, trabalho e ainda assim foi maravilhoso. E aí aconteceu de novo, com endometriose e tudo fiquei grávida...mas como contei não me arrependo e "espaço" entre dois não foi problema. Meu marido é paizão,participativo, que acompanha tudo vai às consultas com a Pediatra, dá banho brinca, curte...acho que é por aí. Vcs decidem, e pronto!
    Boa sorte com o novo lar e tudo mais, viu! Deus abençoe vocês!

    Alessandra
    #amigacomenta

    http://ale-dreams.net
    Tenha um feriado e um final de semana abençoado, fique com Deus!

    ResponderExcluir
  23. Bom dia!!

    Chegando e conhecendo esse cantinho através do TOP FIVE!

    Eu também engravidei jovem -aos 20 anos- e nada desejado ou planejado! Tranquei faculdade, minha sogra saiu da casa que era do meu namorado (hoje marido) e fomos morar os três depois que nossa filha, Sophia, estava com três meses! Fui esposa, dona de casa, mãe tudo junto e muito misturado!

    Apenas meus pais nos ajudaram, minha sogra, assim como toda a família do marido me viu como uma caçadora de dotes!

    Confesso que não foi nenhum pouco fácil, para não dizer difícil, mas foi uma experiência e um amadurecimento acelerado tão grande que não me vejo hoje com vinte e quatro anos, sei que sou muito mais "experiente" do que minha irmã que tem trinta anos, mas é solteira e mora com meus pais, por exemplo!

    Tudo o que acontece e o que vai acontecer depende das nossas escolhas e da nossa visão! Se você quiser enxergar dificuldade, assim será!

    Você começará uma nova fase da vida a dois, e a três! Encare com essa força e determinação que já vi que tem! Seja sábia, apenas isso!

    Beijos, Marcella
    monmaternite.com

    ResponderExcluir
  24. OI Camila, eu já tinha deixado o meu comentário nesse post e volteipara te parabenizar pelo Top Five do Recanto. Foi muito bem merecido.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  25. É difícil dar este tipo de opinião, só você mesmo pode saber o que é melhor, maaaas me colocando no seu lugar eu não teria outro filho agora não.

    Ter um bebê é sempre uma alegria, mas eu acho que menos de 3 anos de diferença é muito mais complicado para a mãe. São 2 bebês e é fácil achar ajuda para um bebe, mas para 2 começa a ficar tenso.

    Acho que bem disseram aí 3, 4 ou 5 anos é uma otima diferença de idade e você pode esperar mais.

    Pense bem!

    beijos!!!

    ResponderExcluir
  26. oie...eu estou com 23 anos e tenho uma bebe chamada Fernanda que tem oito meses...a alguns meses atras descobri que estava grávida, agora ja estou com seis meses...ou seja terei dois bebes de praticamente a mesma idade...estou com seu dilema mas eu não tenho escolhas ou opções, ja aconteceu o acontecido e vou dizer não estou nem um pouco arrependida ou com medo, sei que dara tudo certo, Deus quis assim vamos em frente...bjus e boa sorte

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!